domingo, 14 de fevereiro de 2010

OUTROS CARNAVAIS - ENTRE MEMÓRIAS E BATUQUES PAULISTAS < LUIZ PAULO LIMA





Imagens disponíveis em: http://www.flickr.com/photos/luizpaulolima/

O carnaval é um dos elementos culturais do Brasil que mais representa uma imagem criada há anos do que seriam os brasileiros. Um povo festeiro, espontâneo e alegre. O lado religioso está na raiz da comemoração, mas os cultos e a própria festa sofreram mudanças ao longo dos anos, nos diferentes estados do país.

A briga entre o sagrado e o profano coloca em jogo os rituais dos negros e as imposições da Igreja Católica aos cultos pagãos. No Brasil, o desfile feito com máscaras e fantasias sofreu influência européia, mas os costumes e a religiosidade africana tiveram papel fundamental no carnaval brasileiro.

A partir de uma longa pesquisa cultural das tradições brasileiras relacionadas ao carnaval, o diretor Luiz Paulo Lima desenvolveu o documentário Outros Carnavais. Em suas andanças, Luiz encontrou fragmentos de histórias esquecidas ao longo dos anos, ou postas de lado, em nome da evolução do carnaval para um desfile mercadológico.

Outros Carnavais é a primeira parte de uma trilogia, que será gravada ainda no Rio de Janeiro e no Rio Grande do Sul, todos tendo o mesmo objetivo de captar os sotaques e as histórias de cada região. No Rio Grande do Sul, terra natal de Luiz, ele nos conta que lá, a relação religiosa com o carnaval era muito grande. O mesmo batuque de terreiro realizado nos morros do Rio de Janeiro, também eram realizados após os rituais de Umbanda.

No sul do país, a influência indígena, e branca cisplatina dão, no entanto, outra tonalidade ao carnaval. “Eu quis mostrar que existem contrapontos, coisas acontecendo simultaneamente. Encontrei no Rio Grande do Sul o batuque no fundo de quintal, anterior à aquilo que sempre disseram que nasceu no Rio de Janeiro”, afirma o diretor.

Luiz Paulo começou quebrando um formato mais usual de se fazer documentários. Excluiu o narrador da história e a ordem cronológica dos fatos. Luiz quis ampliar o número de possibilidades existentes ao se falar nesse tema. Seu objetivo maior era mostrar o que tinham a dizer as pessoas que participaram do início das primeiras escolas de samba no estado de São Paulo, dar visibilidade às suas mais íntimas vivências.

No documentário, Luiz aborda a partir dos depoimentos de alguns expoentes da Velha Guarda, das principais escolas de samba de São Paulo, os costumes da época em que a união das escolas e da comunidade formava a festa.

Contrapondo uma história popular de que as pessoas iam pra Igreja de Pirapora do Bom Jesus, em São Paulo, fazer as atividades religiosas antes de irem ao barracão curtir o batuque, Luiz achou uma versão diferente, de pessoas que diziam que iam direto pra festa. “O senso comum não é o que me moveu pra escrever o roteiro, pra pensar o argumento. Bastou um falar uma coisa diferente, que pra mim virou um ponto de vista importante”, afirma Luiz.

Em cada depoimento as histórias se amarram. Como não poderia deixar de ser em qualquer manifestação cultural, os elementos típicos do carnaval foram de transformando, mantendo tradições já existentes e acrescentando novas dinâmicas a esse processo. Desde os instrumentos, às letras, ao jeito de sambar; passando pela maneira de organizar e conduzir a escola; o respeito à Velha Guarda, a noção de comunidade. Hoje o carnaval é muito menos uma festa espontânea e lúdica, é o que todos deixaram transparecer.

(...)Por conta das parcerias firmadas com a Fundação Cultural Palmares e com a UESP, União das Escolas de Samba Paulistanas, o DVD não será comercializado. Cópias do documentário serão distribuídas em instituições culturais, bibliotecas e filmotecas, escolas de sambas e universidades.

Nota: A Fundação Cultural Palmares é uma entidade pública vinculada ao Ministério da Cultura, responsável por preservar as tradições culturais dos diferentes grupos étnicos do país, principalmente no que diz respeito às manifestações afro-brasileiras; e a UESP, uma associação sem fins lucrativos que representa, junto ao poder público, as Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos da Cidade de São Paulo.

Informações disponíveis em: http://mais.cultura.gov.br/

Veja o vídeo do lançamento do documentário "Outros carnavais" no you tube:
http://www.youtube.com/watch?v=uO6aYqeXyE4


Sobre "Luiz Paulo Lima":

Jornalista,trabalhou como repórter nos principais jornais brasileiros(O Estado de São Paulo,Folha de São Paulo, Jornal do Brasil,O Globo, Valôr Econômico), na Tv (TV da Gente, TV Record), Radio (Radio Record ). Outras atividades,Assessor da primeira Secretaria do Meio Ambiente em São Paulo , Assessor de Relações Institucionais do Museu Afro Brasil. Atividades recentes; Dirigiu o Filme "Outros Carnavais" - Entre memórias e batuques paulistas- que foi lançado no dia 02/12/2009 -Dia Nacional do Samba, e Sócio/ diretor de comunicações da Watermelon Entertainment.

Fonte: http://www.flickr.com/photos/luizpaulolima/

Ficha técnica do filme: http://www.palmares.gov.br/003/00301009.jsp?ttCD_CHAVE=2637

Acesse também:

Fundação Palmares http://www.palmares.gov.br/

UESP/ União das Escolas de Sampa Paulistas http://www.uesp.com.br/menu/auesp.htm

Batucadas Brasileiras
http://www.batucadasbrasileiras.org.br/ibb_br.html

Obs.: Interessados em obter e divulgar o DVD "Outros carnavais" devem entrar em contato com as instituições parceiras (Links acima) e/ou com o diretor Luiz Paulo Lima para saber como proceder (Flickr - http://www.flickr.com/photos/luizpaulolima/)

Nenhum comentário:

Pesquise aqui...


“Como professor, não me é possível ajudar o educando a superar sua ignorância, se não supero permanentemente a minha”. Paulo Freire

ARQUIVO DO BLOG